Mensagem do Presidente

prof.Em nome do Conselho de Administração e de todos os colaboradores, dou-lhe as boas vindas ao novo site da Fundação Portuguesa de Cardiologia.

A Fundação Portuguesa de Cardiologia é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, de âmbito nacional, criada em 1979, tendo como objectivo geral a promoção da saúde e a prevenção, tratamento e reabilitação das doenças cardiovasculares, que constituem a principal causa de morte da população portuguesa.

De entre as causas específicas de morte, destacam-se os acidentes vasculares cerebrais, com mais de 13.250 óbitos anuais e o enfarte do miocárdio, com cerca de 6.970 óbitos anuais. A estes números impressionantes soma-se similar número de indivíduos atingidos por estas doenças, que sobrevivendo ficam muitos deles gravemente diminuídos.

Nos seus 34 Anos de actividade a Fundação Portuguesa de Cardiologia tem contribuído para a luta com sucesso contra as doenças cardiovasculares, sendo certamente um dos parceiros responsáveis pela contenção do aumento da mortalidade por acidentes cardiovasculares cerebrais e enfartes do miocárdio observados nos últimos anos.

À luz dos conhecimentos científicos actuais, sabe-se que tantos os acidentes vasculares cerebrais, como os enfartes do miocárdio são em grande medida evitáveis. Para isso é necessária a adopção de estilos de vida adequados e o controlo dos factores de risco, que condicionam o aparecimento das doenças cardiovasculares, sendo os mais importantes a hipertensão arterial, a hipercolesterolémia, o tabagismo, a diabetes e a inactividade física.

Colocar à disposição de todos os interessados este site, com diversa documentação, constitui para todos nós um instrumento fundamental para o sucesso desta luta que travamos na Fundação Portuguesa de Cardiologia pela promoção da saúde cardiovascular em Portugal.

 

De facto a População pode agora, de uma forma interactiva, colocar perguntas e fazer comentários sobre os seus casos particulares.

 

Quero terminar lembrando que é fundamental praticar actividade física, ter uma alimentação saudável e não fumar.

 

Prof. Doutor Manuel Oliveira Carrageta

Presidente

 

 

 

Partilhar:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone